Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Deu-me para isto

Boa vida, Livros, Moda e Beleza, Música, parvoices

As pessoas perderam o medo

E isso é um problema

As quartas-feiras é dia de supermercado. 

Ontem decidi ir ao supermercado mais perto de minha casa. Não tinha muitas compras para fazer e nada de especifico, portanto aquele servia perfeitamente.

Ora, este supermercado em questão é daqueles que está cheio de coisas nos corredores, na linha de caixas e também nas caixas. Cumprir a distância de segurança é um desafio.

Escolhi uma caixa qualquer para pagar. Honestamente, não me importei se tinha muitas ou poucas pessoas. Quando tento fazer isto, sai-me o tiro pela culatra.

Nas caixas ao lado, havia uma confusão. Eram duas caixas muito juntas e por causa disto as pessoas faziam só uma fila porque não percebiam que eram duas em vez de uma.

Oiço a funcionária dizer: "A seguir.... Não vêem que são duas caixas. Isto não é fila única, façam duas filas".

Oiço alguém da fila dizer: "Estou a cumprir a distância de 2 metros"

A mesma funcionária responde: " Aqui não está a 2 metros de mim. Não faz diferença cumprir a distância de segurança"

E é por isto que temos os números que temos. Quando os próprios funcionários que deviam fazer cumprir as regras, estão a dizer às pessoas para as quebrarem, os números sobem.

Pergunto-me como é que esta funcionária reagiria ser tivesse apanhado covid. Provavelmente, iria dizer que foi culpa dos patrões que a obrigaram a trabalhar ou das pessoas que foram fazer compras. Seria culpa de todos, menos dela que não quis cumprir a distância de segurança.

 

As minhas leitura #7: Jim, o sortudo de Kingsley Amis

asortedejim.jpg

Sinopse:

"James (Jim) Dixon é um jovem professor universitário de história medieval aborrecido com o seu trabalho, e lutando por sobreviver a uma sociedade burguesa e provinciana. Nesta comédia do absurdo, toda a ação se desenvolve em torno do controle individual sobre o outro. Nas várias frentes - superiores hierárquicos, colegas, alunos, namoradas - os equívocos, as maquinações, os mal entendidos, os favoritismos (também exercidos pelo próprio) concorrem para o tormento de Jim, que fuma e bebe em demasia e se dirige à desfilada para um ponto de ruptura.
Jim terá a sorte de conseguir escapar às armadilhas das circunstâncias, libertar-se, sair por cima. Mas quão livre será o novo Jim?
Uma obra-prima sobre o homem em conflito com uma realidade ilegível, uma comunicação deteriorada por jogos, um ego imperscrutável, e uma sociedade repressiva do individual. Considerado por Christopher Hitchens o livro mais divertido da segunda metade do século XX e, por Toby Young, o melhor romance cómico do século XX, A Sorte de Jim é uma hilariante sátira da vida académica britânica e um marco da literatura dos pós-guerra."

Tenho que confessar que achei este livro um autêntica seca e sem propósito nenhum. Ainda não ia a meio do segundo capitulo e já estava com vontade de desistir. Pensei mesmo nisto só que gosto de ler os livros até ao fim.

O Jim é um professor universitário que não gosta do que faz, não gosta do que o envolve mas por motivos financeiros, tem que permanecer no seu trabalho. Faz joginhos, que muitas vezes lhe correm mal ou se viram contra ele e acaba por ser descoberto. É daquele tipo de personagens que se fosse uma pessoa eu a desprezava completamente.

Só lá para os últimos capítulos é que a história entra numa fase apetecível para se ler. 

Em suma, foi um livro muito aborrecido mas curto, que não gostei.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Gosto disto

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D