Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Deu-me para isto

Boa vida, Livros, Moda e Beleza, Música, parvoices

Dragonball

No fim de semana voltei aos bons velhos tempos.

Levantei-me de manhã e fui para o sofá ver os desenhos animados. E vi, nada mais nada menos, que a nova temporada de Dragonball.

Ao principio foi uma lufada de nostalgia. De voltar aos tempos da adolescência em que o mundo parava para se ver o Dragonball.

A história começa com o Son Goku a tentar ter uma vida normal junto da Bulma e dos filhos. Isto foi um pouco estranho porque o Dragon Ball, para mim, são lutas, "Fuuuuuusão" e "kamehameha".

Depois seguiu-se a reacção “Mas que piada é esta? Não tem graça nenhuma”. Mas depois é que percebi que estava mais velha, mais crescida. Os textos já não tinham o mesmo significado, tive que lhe dar um desconto. Afinal, era feito para crianças e não para os adultos que já tinham visto as temporadas anteriores. LOL

E depois veio o Vegeta, aquela personagem do Dragonball que para além do Son Goku tem uma voz inconfundível. E o Vegeta começou a falar…. E foi o choque total…. Já não era a mesma voz!!!! Já não era o mesmo Vegeta, já não era a mesma personagem. Mas que M"#$%& é esta?!

E o Dragon Ball deixou de ser o Dragon Ball. Acabou-se a magia dos fins de semana a ver desenhos animados. acabou-se a nostalgia.

Aliás, isto aconteceu com outras personagens. Já não têm as vozes originais.

Senhores da SIC, façam o favor de pôr o Vegeta original (já só peço o Vegeta) porque senão não há “não perca o próximo episódio, porque nós também não”.

4 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Gosto disto

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D